Conexão Tocantins Araguaína

Cultura

27/11/2013 - Redação

Foto: Divulgação

Dois alunos da rede de educação básica de Araguaína foram finalistas do Concurso Cultural Construindo um Novo Planeta, promovido pelo Instituto Ayrton Senna. Lainne Aparecida Silva Santos, 11 anos, da Escola Municipal Dr. Simão Lutz, ficou em segundo lugar na categoria texto, no Programa Acelera Brasil; e Eliseu Ferreira da Silva, 11, da Escola Municipal Arnon Ferreira Leal, venceu na categoria desenho (confecção em cartaz), no Programa Se Liga. “É gratificante demais ver nossos alunos tão empenhados no ensino. A prova maior desta conquista é o domínio que eles tiveram sobre o conteúdo ensinado em sala para traduzir nos trabalhos”, afirmou o secretário de Educação do Município, Jocirley de Oliveira.

O concurso foi realizado entre os meses de agosto e outubro e premiou estudantes, professores e escolas de todo o país. Na sexta-feira, 29, o prefeito Ronaldo Dimas receberá os vencedores em seu gabinete, às 15 horas. 

Premiação 

Entre os dias 20 e 24 de novembro, os alunos foram até a capital paulista receber os prêmios na sede do Instituto Ayrton Senna. Lainne foi orientada pela professora Avanilúcia Alves Tavares e foi premiada com uma bicicleta. A professora e a escola receberam câmera digital.

Já Eliseu recebeu o apoio da professora Jordenusia Arrais Sobrinho. Os dois ganharam como prêmio um tablet e a escola recebeu um data-show.

Todos os finalistas dos Estados de Maranhão, Goiás, São Paulo, Santa Catarina e Pernambuco participaram da premiação, que contou com o pronunciamento da presidente do instituto, Viviane Senna, irmã de Ayrton.

Os alunos ainda aproveitaram a oportunidade para tirar fotos com o personagem Senninha e com o carro de Fórmula 1 do piloto. 

Concurso

Com o tema “Água para todos: cooperação pela vida!”, o Instituto Ayrton Senna pretendeu disseminar a educação ambiental nas escolas públicas do Brasil. A ideia foi promover nas salas de aula discussões sobre a importância do meio ambiente e de condutas sustentáveis no mundo em que vivemos. Os alunos participaram enviando trabalhos nas categorias desenho e texto. Já os educadores contaram com um amplo material sobre água para todos. (Ascom Araguaina)