Conexão Tocantins Araguaína

Campo

10/02/2012 - Redação

Foto: Divulgação

Com o objetivo de discutir o calendário de ações para a construção do RIT – Relatório de Informações Técnicas (RIT) Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (PRONAF), instituições públicas e privadas se reuniram com técnicos do Banco da Amazônia. O encontro ocorreu na manhã desta sexta-feira, 10, no auditório da superintendência do Banco.

Durante a reunião, foram definidas as cidades onde serão realizados os encontros regionais para a formulação do RIT. O primeiro evento ocorrerá no dia 19 de março, no município de Araguatins. Dia 21, o encontro será em Araguaina e no dia 23, no município de Guaraí. No mês de abril, os encontros vão acontecer no dia 9 em Porto Nacional, dia 11 em Dianópolis e no dia 13 em Gurupi.

De acordo com o superintendente do Banco, Donizete Borges de Campos, o objetivo é fomentar a agricultura familiar, considerando o potencial de cada região. “Os recursos são liberados ao longo do ano, mas com base no calendário agrícola, na época propícia de plantio da cultura”, informou Campos, acrescentando que ainda em 2011, foram destinados R$ 70 milhões de recursos para o Pronaf, mas a instituição financeira aplicou R$ 88 milhões. Para 2012, segundo ele, foi reservado o mesmo valor, mas a meta é investir R$ 100 milhões.

O secretário executivo da Secretaria da Agricultura, da Pecuária e do Desenvolvimento Agrário, Ruiter Pádua, parabenizou a iniciativa, que irá desenvolver a agricultura familiar do Estado. As informações técnicas do RIT dão mais embasamento para os analistas da instituição bancária analisar os projetos. “É um trabalho sério, que levanta os custos reais da atividade. Valores que realmente são praticados no Estado e que são fundamentais para os projetos e a liberação do recurso”, elogiou o secretário executivo. (Ascom Seagro)