Conexão Tocantins Araguaína

Campo

15/08/2011 - Redação

A Agência de Defesa Agropecuária – Adapec e Ministério Público Estadual se reunirão com os proprietários dos seis frigoríficos inspecionados pelo SIE – Serviço Inspeção Estadual, para discutirem sobre o TAC – Termo de Ajuste de Conduta. A reunião está marcada para esta terça-feira, 16, às 9h, no auditório da Agência, em Palmas. O objetivo do encontro é debater o cumprimento dos TAC’s que visava as adequações dos estabelecimentos, que encerrou no dia 10 de agosto.

As empresas alegaram que os 90 dias concedidos para as adequações não foram suficientes para a conclusão dos trabalhos. “Ouviremos as demandas de cada estabelecimento devidamente justificadas e o Ministério Público é que vai decidir se haverá ou não extensão do TAC”, explica a coordenadora de Inspeção Animal da Adapec, Joseanne Cademartori Lins, acrescentando ainda que cabe a Adapec executar o que for decidido.

Entenda

No dia 04 de maio de 2011, a Adapec em parceria com o Ministério Público realizou uma audiência Pública com os proprietários de frigoríficos, para a assinatura do TAC. Nele, as empresas teriam 90 dias para se adequarem as normas e exigências previstas na legislação sanitária federal e estadual.

Entre as exigências estão a estruturação das instalações físicas, o abate correto de animais, transporte adequado do produto e sua comercialização, além das condições higiênico-sanitárias.

Dados

Os frigoríficos inspecionados pelo SIE – Serviço de Inspeção Animal estão presentes nos municípios de Araguaina, Palmas, Porto Nacional, Gurupi e Silvanópolis. Em 2010, produziram 21,2 mil toneladas de carnes, comercializadas em todo o Estado. (Ascom Adapec)