Conexão Tocantins Araguaína

Estado

20/07/2011 - Redação

Foto: Márcio Vieira

O Governo do Estado, por meio do Instituto Pioneiros Mirins de Apoio à Criança e ao Adolescente, iniciou na tarde dessa terça-feira, 19, o processo de distribuição, com a saída de 26 caminhões, transportando 4.000 bicicletas que irão beneficiar crianças de 38 municípios tocantinenses.

As bicicletas, que são fruto de doações feitas por empresas ao Estado ainda no governo passado e que não puderam ser entregues naquela oportunidade em decorrência de uma representação eleitoral impetrada pelo presidente regional do PTN, Júnior Luiz, partiram de Palmas com destino as regionais de Araguatins, Tocantinópolis e Araguaina.

Segundo a presidente do Instituto, Simone Sandre, serão beneficiados os municípios com menor Índice de Desenvolvimento Familiar (IDF). “As bicicletas serão distribuídas aos municípios da região do Bico do Papagaio. Foram eleitos os municípios com índice de Desenvolvimento Familiar mais baixo, inferior a 0,55”, explica a presidente.

De acordo com Simone a distribuição das bicicletas às regionais deve ser finalizada até quinta-feira, 21. A entrega das bicicletas às crianças acontece a partir da próxima segunda-feira, 25. Todas as crianças cadastradas no programa nos municípios que recebem as bicicletas serão beneficiadas.

“Essa é a primeira ação do Instituto, que foi recém criado, e demonstra a intenção do Governo do Estado que é revitalizar o Pioneiros Mirins, que terá suas ações realmente voltadas a atender as necessidades das famílias e das crianças tocantinenses”, enfatiza a presidente do Instituto, que acrescenta que outras muitas ações voltadas aos Pioneiros Mirins e suas famílias estão previstas. “O que podemos dizer é que todos podem esperar muitas outras ações que vão beneficiar as famílias e as crianças do Pioneiros Mirins”.

A ação desenvolvida pelo Instituto Pioneiros Mirins de Apoio à Criança e ao Adolescente é executada por meio da transversalidade, que é uma das marcas do Governo do Estado. Participam da ação o Corpo de Bombeiros, PM, Seinfra, Seduc, Setas, Secom, Naturatins, Adepec e o Exército.

Da redação com informações Secom