Conexão Tocantins Araguaína

Saúde

09/02/2011 - Redação

Foto: Divulgação

A Prefeitura de Araguaina, por meio da Secretaria de Saúde – Centro de Controle de Zoonoses, continua os trabalhos de intensificação no combate a dengue e calazar no município. Esta semana as ações concentram-se em 15 setores: Bela Vista, Universitário, Vila Goiás, Jardim das Mangueiras, Maracanã, Barros, Parque Bom Viver, Vila Santiago, Setor Brasil, Nova Araguaína, Araguaína Sul, São João, Raizal, Centro e Rodoviário.

De acordo com o CCZ, esses bairros são prioritários ao combate contra a dengue e calazar porque pertencem a áreas em que registram dados preocupantes em relação a estas doenças, bem como a presença de vetores transmissores. A expectativa é de que sejam atendidos com ações de intensificação dessas doenças 35% do total de quarteirões existentes no município, bem como 42% dos imóveis e 38% da população araguainense. Os moradores são orientados a fazerem medidas de prevenção e controle da dengue e calazar.

São duas frentes de trabalho que desenvolvem os trabalhos de intensificação das ações de vigilância e controle de dengue e calazar, uma direcionada a eliminação de focos e a outra ao manejo ambiental. Estas ações de combate têm a parceria com a Secretaria Estadual de Saúde (Sesau), Dertins e Secretaria de Obras de Araguaína.

Balanço

O mutirão social realizado no período de 02 a 04 de fevereiro, nos setores Maracanã, Barros e Parque Bom Viver, eliminou 117 focos de dengue nessa área, foram retiradas 177 carradas de galhadas e entulhos, além de cinco toneladas de lixo reciclável. No Setor Noroeste, foram inspecionados 1.341 imóveis, sendo encontrados 83 focos em residências e 90 em terrenos baldios.

Fonte: Assessoria de Imprensa/Prefeitura de Araguaina