Conexão Tocantins Araguaína

Geral

01/06/2010 - Philipe Bastos

Foto: Divulgação

Em entrevista ao Conexão Tocantins na tarde desta terça-feira, 1º de junho, o presidente da Câmara Municipal de Araguaina, vereador Elenil da Penha (PMDB) afirmou que mais de 80% dos vereadores da cidade estão fechados no apoio a candidatura do governador Carlos Gaguim (PMDB) à reeleição.

De acordo com o vereador, o entendimento dentro da Casa de Leis municipal está caminhando no sentido favorável a Gaguim. “O governo tem a maioria dos vereadores, e quem sabe, poderá ter até mesmo a unanimidade”.

Segundo o presidente da Câmara, o que faltaria para conseguir essa totalidade dos vereadores seria um possível entendimento entre o governador - que é o responsável pela articulação política do partido - e o presidente do PP, deputado federal Lázaro Botelho e sua esposa, ex-prefeita da cidade, Valderez Castelo Branco. “Dependendo da composição, é bem possível que isso ocorra”, completou.

Apoio do prefeito

Sobre o possível apoio do prefeito Valuar Barros (DEM) ao governador, Elenil afirmou que as discussões vão acontecer com clareza até o dia 30 de junho, data final para as convenções partidárias. O vereador ressaltou ainda que tem certeza de que o prefeito irá apoiar a candidatura de Carlos Gaguim, mesmo sendo do DEM. “Tem que verificar como vai ficar essa situação e ver como vai ficar o relacionamento com o Democratas, caso isso ocorra”, completou.

Aceitação de Valuar

Elenil afirmou que por ser o prefeito da cidade, Valuar acaba tendo certa rejeição por parte dos eleitores de Araguaina, mas garantiu que o prefeito “tem trânsito livre em toda a cidade e todos os partidos políticos”.

Há pouco mais de um mês, a cidade de Araguaina se viu repleta de pichações com os dizeres “fora Valuar”. Sobre essas pichações, que o vereador considerou como atos de vandalismo, Elenil afirmou que houve, sim, uma manifestação de estudantes mas acredita que as pichações não tenham partido dos acadêmicos. “Alguém, tentando culpar esse pessoal é que pichou”, informou.