Conexão Tocantins Araguaína

Geral

04/03/2010 - Redação

Foto: Heber Fidelis

Representando o governador Carlos Henrique Gaguim, o vice-governador Eduardo Machado assinou convênio com o Tribunal de Justiça, nesta quinta-feira, 04, para efetivação do programa Justiça Móvel de Trânsito – que tem como objetivo promover, no próprio local dos acidentes de trânsito, um acordo judicial entre as partes envolvidas.

O Justiça Móvel de Trânsito entra em nova fase, atendendo agora pelo telefone 159, nos dias úteis, entre às 7h30 e 19h30, em Palmas. Nos próximos meses as cidades de Araguaina e Gurupi também contarão com o programa, que consiste no deslocamento de uma van, dotada de computador e com conciliadores e policiais militares treinados para a função.

Ao destacar a parceria com o Tribunal de Justiça, Eduardo Machado afirmou ser necessário que o cidadão mude seus hábitos em relação ao trânsito, para que os acidentes venham a ser evitados, e não mais remediados pela Justiça. “A própria Justiça Móvel, além de agilizar o trabalho da Justiça, inibe a ação de quem pretende burlar as leis de trânsito. Mas é necessário ir além, mudando os nossos hábitos e prevenindo os acidentes”, considerou o vice-governador.

Na solenidade, a presidente do Tribunal de Justiça, Willamara Leila, disse que as estatísticas de acidentes de trânsito preocupam o poder Judiciário, especialmente em relação à cidade de Palmas, e destacou o papel do Justiça Móvel. “Estamos nos aproximando do cidadão, levando a pacificação em relação aos acidentes”, disse.

Após a solenidade de assinatura do convênio de cooperação técnica foi realizada uma blitz para divulgar o programa, na Avenida JK - sendo que uma campanha publicitária envolvendo as diversas mídias vai ampliar essa divulgação.

Fonte: Secom