Conexão Tocantins Araguaína

Polí­tica

18/09/2008 - Redação

O candidato a prefeitura de Araguaína Valuar Barros (DEM), concedeu entrevista ao vivo à Radio Cidade FM, nesta quinta-feira, às 12h30.

Durante os 50 minutos de entrevista, Valuar ressaltou que Araguaína precisa de um prefeito que seja parceiro do governo do Estado e do governo Federal, colocando um ponto final nas intrigas políticas que a cidade tem vivido nos últimos anos. "O araguainense sabe que se eu sou candidato hoje é porque o povo clamou por Valuar e o escolheu para ser o próximo prefeito de Araguaína", disse.

Sobre seu Plano de Governo, Valuar foi simples e direto ao afirmar que não é homem de promessas e sim compromisso, por isso está propondo aquilo que Araguaína realmente precisa: pavimentação das ruas, legalização dos lotes irregulares, incentivos econômicos que respaldará Araguaína para novos empreendimentos, e principalmente, melhorar a saúde e a educação, que segundo Valuar, serão suas principais metas.

"Vamos construir escolas de tempo integral, creches, reformar e equipar as escolas já existentes, e valorizar o nosso profissional da educação. Isso dará mais possibilidades de crescimento pro nossos jovens", completou.

O candidato da Aliança da Vitória disse ainda, que todas as grandes obras que Araguaína precisam ser realizadas com muita responsabilidade e honestidade, "nós temos a parceria do governo estadual e federal, temos deputados estaduais e federais, além de dois dos três senadores tocantinenses. São essas pessoas que foram eleitas pelo voto do povo que vão nos ajudar a construir a Araguaína que sonhamos, aprovando emendas e viabilizando as verbas. Diferente de quem só tem apoio de fora para mostrar, nós estamos unidos é com quem realmente tem compromisso com o Araguainense", frisou Valuar.

Questionado sobre as pesquisas de intenção de voto que foram divulgadas no início da semana, o próximo prefeito de Araguaína falou que "os concorrentes estão divulgando pesquisas falsas, querendo desacreditar o voto do povo que já escolheu Valuar. Basta andar nas ruas para ver que estamos acima do segundo colocado com cerca de 30%. Não adianta inventar mentiras, que o povo não acredita em candidato que só aparece em época de eleição, querendo fazer do mandato de prefeito um meio de beneficiar a si próprio", alfinetou.

Fonte: Assessoria de imprensa Aliança da Vitória