Conexão Tocantins Araguaína

Meio Ambiente

23/09/2014 - Redação

Foto: Weberson Dias

Mais de 200 mudas de plantas nativas do cerrado foram plantadas por centenas de alunos na manhã desta terça-feira, 23, em uma Área de Preservação Permanente (APP) do Lago Azul, na margem esquerda do antigo lago formado pelo Rio Lontra, degradada pelo fogo. O exemplo de conscientização ambiental foi dado por cerca de 150 alunos da Escola Municipal Manoel Lira, que plantaram pés de bacaba, ingá, acaí, buriti, mogno, ipê e faveira de bolota. A ação de conscientização ambiental que irá proporcionar uma nova paisagem ao Lago foi promovida pela Prefeitura de Araguaína, por meio da Secretaria do Planejamento, Meio Ambiente, Ciência e Tecnologia, em parceria com as Secretarias Municipal da Educação, Infraestrutura e Saúde, com a intenção de celebrar o Dia da Árvore, comemorado no último domingo, 21.

O objetivo da ação foi contribuir com a preservação do meio ambiente e melhorar a qualidade de vida da população. Segundo o secretário Bruno Rangel, a atividade faz parte do projeto ‘Lago mais azul, eu faço parte’, que contempla atividades de conscientização socioambiental com o objetivo de promover a revitalização dos 13 km do Lago Azul. Entre as ações está o plantio de mais de 5 mil mudas. “A Área de Preservação Permanente é uma área protegida por lei e temos o dever legal de cuidar dela, sempre priorizando o plantio de espécies nativas, que são aquelas que compõem as matas ciliares. Para executar esse programa de replantio e repovoamento de espécies ao longo das margens do lago e afluentes, serão priorizadas áreas que estejam mais degradas ou mais sensíveis ecologicamente”, explicou o secretário.

A aluna Kellen Stefany dos Reis, foi uma das crianças que veio plantar sua primeira árvore. E Ela já se preocupa com o futuro da muda plantada por ela. “Vou pedir pra minha mãe pra vir aqui molhar ela todo dia, por que senão ela morre”, disse. Quem também aprovou a ação foi a aluna Jennifer Brito. Aluna da escola que fica localizada no Setor Nova Araguaína, vizinha à área de proteção ambiental. “Plantar árvores é muito importante, pois daqui há alguns anos elas vão nos dar frutos e algumas são boas para nossa saúde”, lembrou Jennifer.

Parceiros

Participam da ação alunos da Escola Municipal Manoel Lira, além de parceiros do evento, como membros da Aciara, Gelnex, Associações de Catadores de Lixo, Adapec, Ameama, Apae, Cipra, Diretoria Regional de Ensino, ONG Guardiões da Natureza, Ibama, Litucera, ONG Natura Ativa, Naturatins, Ruraltins, Saneatins, Defesa Civil Municipal e Universidade Federal do Tocantins (UFT).

Palestras

Durante a semana, técnicos da Secretaria de Planejamento, Meio Ambiente, Ciências e Tecnologia realizarão um circuito de palestras nas escolas municipais. A programação inicia quarta, 24, na Escola Municipal Aurélio Buarque de Holanda, às 15h30, com a palestra ‘Meio Ambiente’, ministrada pelo Coordenador Municipal de Educação Ambiental, Tibério Dias, e pelo presidente da ONG Guardiões da Natureza, Abrão Jorge. No dia seguinte, os palestrantes realizam a mesma palestra, às 09 e às 15 horas, na Escola Municipal Zeca Barros. (Ascom Araguaína)