Conexão Tocantins Araguaína

Araguaína

14/04/2014 - Redação

Foto: Divulgação Imagem do projeto da Via Lago Imagem do projeto da Via Lago

No valor de R$ 11,8 milhões, o Ministério das Cidades empenhou nesta quinta-feira, recursos para a construção do projeto Via Lago, que vai beneficiar a população araguainense, disponibilizando uma área de lazer, esportes e mobilidade urbana da região sul da cidade. O projeto tem emenda parlamentar do deputado federal César Halum.

O empenho é a garantia de que existe o crédito necessário para se realizar a obra. Para o prefeito Ronaldo Dimas, com o empenho do Ministério das Cidades, o projeto Via Lago fica, a cada dia, mais próximo de ser realizado, beneficiando os araguainenses que terão opção de lazer e interligando regiões importantes da cidade.

A Via Lago terá 1,56 km de extensão, começando no fim da Marginal Neblina (no cruzamento com a Avenida Filadélfia) seguindo até os setores Lago Azul, Cidade Nova e Nova Morada, com três pistas de ida e de volta, ciclovia e calçamento para pedestres. No final da avenida, será construída uma ponte estaiada, que vai interligar o centro de Araguaína para esses bairros localizados na região sul da cidade.

Dentro do projeto, também está previsto uma ilha próxima à Via Lago, onde será construído um restaurante e o acesso será por meio de barcos, com decks de embarque e desembarque.

Além da valorização do Lago Azul com o fomento ao turismo, haverá o desassoreamento do local, com a permissão dos órgãos de fiscalização ambiental, para o uso da areia acumulada nas margens de córregos que alimentam o lago, bem como o no próprio leito do rio Lontra.