Conexão Tocantins Araguaína

Polí­cia

21/10/2013 - Redação

Foto: Divulgação Presídio é administrado pela empresa Umanizare Presídio é administrado pela empresa Umanizare

Fugiram na noite desta segunda-feira, 21, três presos da Unidade de Tratamento Penal Barra da Grota. A Polícia Civil e a Polícia Militar estão no local. Antes da chegada dos policiais houve dois disparos de arma de fogo.

O presídio Barra da Grota tem sido notícia no último mês pela ameaça de fuga que os presos têm feito. Além disso, dois detentos foram mortos em menos de 24 horas no inicio deste mês. Na época, falou-se que uma rebelião estava sendo organizada. Um advogado chegou a declarar que os presos reivindicavam assistência medica e social, entrada de toda a alimentação que é levada pelos familiares, televisores e ventiladores.

Além disso, os presos estariam reivindicando que o método de revista das mulheres fosse mudado. Eles também queria assistência jurídica de forma que os processos sejam vistos, e os benefícios concedidos a quem tem direito, troca do diretor do presídio e do chefe de segurança e a transferência dos presos provisórios para a Casa de Prisão Provisória de Araguaína.

No momento há barreira da Polícia Militar na TO 222.