Conexão Tocantins Araguaína

Estado

17/02/2013 - Redação

Têm início nesta segunda-feira, 18, em Araguaína, as primeiras atividades do Pronatec - Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego  - Tocantins sem Miséria. O Programa visa incrementar a formação técnica e profissional de pessoas em situação de vulnerabilidade social que estejam inscritas ou em processo de inclusão no Cadastro Único da Assistência Social, o CadÚnico. Uma equipe da Setas – Secretaria Estadual do Trabalho e da Assistência Social, pasta responsável pela execução do programa no Estado, se reunirá com o prefeito de Araguaína, Ronaldo Dimas, e sua equipe de Assistência Social, na secretária Municipal de Assistência Social do município às 14hs.

O Pronatec Tocantins sem Miséria é uma parceria entre o Governo do Estado do Tocantins e MDS - Ministério do Desenvolvimento Social e Mec - Ministério da Educação e Cultura no âmbito do Pronatec/Brasil sem Miséria.

Segundo o secretário da Setas, Agimiro Costa, o programa é a grande estratégia do Governo Federal para mudar a realidade dos beneficiários dos programas sociais. “Com a formação continuada desse público daremos reais condições de se inserirem no mercado de trabalho e melhorarem suas vidas”. O secretário aposta na consistência e planejamento do Plano e declara que o Governo do Estado, por meio da Setas, já está preparado para realizar o seu papel de monitoramento desse processo.

Nesta primeira etapa, a Setas visitará 15 municípios da região de Araguaína. Nos encontros, a equipe da Secretaria apresentará o Programa, treinará as equipes dos municípios para lidarem com o Sistec/MEC - Sistema Nacional de Informações da Educação Profissional e Tecnológica e mobilizará as famílias para participarem do evento de pactuação entre Estado e municípios, que acontece no dia 07 de março, no Parque Agropecuário de Araguaína. Além da região de Araguaína, a Secretaria se reunirá com os outros 124 municípios do Estado até o mês de julho e realizará eventos para pactuação em mais 11 cidades pólo.

Pronatec Tocantins sem Miséria

O Programa oferecerá cursos de formação inicial e continuada voltados para a inserção de trabalhadores em situação de vulnerabilidade social que sejam beneficiários de programa sociais federal ou estadual. Os cursos terão duração mínima de 160 horas e serão ofertados em instituições de reconhecida qualidade no ensino técnico e tecnológico, como as unidades do Sistema Nacional de Aprendizagem (Senac e Senai) e a Rede Federal de Educação Profissional e Tecnológica. A oferta é gratuita e os beneficiários receberão alimentação, transporte, uma bolsa e todos os materiais escolares.