Conexão Tocantins Araguaína

Polí­cia

13/11/2012 - Redação

Agentes da 4º Delegacia de Policia Civil em Araguaína, sob o comando da delegada Maria Dinesitânia Rocha Cunha, prendeu na madrugada desta última segunda-feira, 12, João Batista dos Santos Oliveira Junior e apreendeu o menor J.N.M, acusados de matar à facadas em Marabá-PA, o dentista de 38 anos, Gilson José da Rosa.
Segundo a delegada, a prisão e a apreensão ocorreu em  operação de combate a roubo de veículos. Durante abordagem do Fiesta, com placa de Marabá - PA os agentes solicitaram ao motorista, (o menor) os documentos do veiculo e a habilitação do condutor, momento em que o menor informou não possuir. Desconfiados de que se tratava de objeto de roubo os agentes conduziram os mesmo para a delegacia.

De acordo com as informações, após serem levados para a delegacia, foi realizada uma busca no interior do carro, onde foram encontradas calças jeans, duas camisetas, além de dois pares de luvas encharcadas de sangue. Após buscar informações a delegada constatou que o veiculo era de propriedade de um dentista de Marabá que havia sido assassinado.

Em depoimento, João dos Santos, 20 anos e o menor I.M.N., 17 anos, confessaram que se envolveram com a vítima, que segundo eles era homossexual, através de rede social, com o intuito de roubar o carro da vítima e com o dinheiro da venda do veículo iria embora para Goiânia.

O acusado João Batista será transferido para Marabá (PA) e o menor J.N.M, deve ser levado para Santa Fé do Araguaia - TO, onde ficaram a disposição da Justiça. (Ascom SSP)