Conexão Tocantins Araguaína

Estado

14/03/2012 - Redação

As constantes denúncias feitas pela comunidade e imprensa de Araguaina sobre as más condições da ponte sobre o Setor Lago Sul levaram o Ministério Público Estadual (MPE) a solicitar perícia de órgãos competentes e informações da Prefeitura Municipal.

A ponte liga o loteamento Lago Sul ao Setor Jardim Paulista, sendo sua construção resultado do Termo de Ajustamento de Conduta (TAC)firmado em abril de 2011, entre a 12ª Promotoria de Justiça, o município de Araguaína e a empresa loteadora F.L.O Lessa. Na época, além da construção da ponte no prazo máximo de um ano, a empresa responsável pelo loteamento e a Prefeitura também se comprometeram de em dois anos, realizarem obras de infraestrutura básica no setor Lago Sul.

De acordo com a promotora de justiça Ana Paula Reigota Ferreira Catini, que fiscaliza e acompanha o cumprimento do TAC, mesmo tendo sido entregue antes do prazo, a ponte já apresenta supostos problemas na sua estrutura física. A fim de investigar as denúncias, a promotora de justiça instaurou procedimento no qual requereu Laudo Pericial do Conselho Regional de Engenharia e Arquitetura (Crea-TO) e Laudos Técnicos do Corpo de Bombeiros e da Defesa Civil, além de documentos que comprovem o acompanhamento e a fiscalização dasobras de infraestrutura por parte do Município. (Ascom MPE)