Conexão Tocantins Araguaína

Polí­cia

08/03/2012 - Redação

A Polícia Civil autuou em flagrante, Didácio de Souza Melo, de 37 anos. O homem é acusado de ter matado a tiros sua ex-mulher, a ex-cunhada e tentado matar a ex-sogra, nesta quinta-feira, 8, em Araguaína, Setor Céu Azul.

De acordo com a polícia, o assassino invadiu a residência onde estava sua ex-mulher, Layara Duarte Silva, 18 anos e a ex-sogra, Edileuza Maria de Souza, 46 anos, para levar a filha do casal, momento em que foi impedido pela mãe e pela avó da criança. Inconformado com a situação, o acusado, brutalmente, efetuou dois disparos de arma de fogo contra Layane, que foi atingida na cabeça e nas costas, e mais dois na boca de dona Edileuza, sua ex-sogra, que foi socorrida e levada ao hospital.

Em seguida, o acusado foi até a casa da vizinha onde dormia Layane Duarte de Souza, 20 anos, irmã de sua ex-companheira. O criminoso invadiu a residência, e de acordo com vizinhos, Layane ainda tentou fugir se escondendo dentro do banheiro da casa, mas Didácio arrombou a porta e efetuou dois disparos contra a ex-cunhada, um tiro a atingiu no braço e o outro acertoufatalmente a vítima, na cabeça.

Apóso crime,Didáciose trancou na casa da amiga de Layane e temendo ser morto, ligou paraveículos da imprensa local, informando ter cometido os assassinatos, dizendo que queria se entregar paraa polícia.Mas a Polícia já havia chegado ao local.

Depois da negociação, o assassino se entregou aos policiais militares. Didácio foi preso e responderá pelos crimes de duplo homicídio e tentativa de homicídio.( Assessoria de Imprensa)