Conexão Tocantins Araguaína

Economia

24/02/2012 - Redação

Foto: Divulgação

De acordo com os dados do Caged - Cadastro Geral de Empregados e Desempregados do Ministério do Trabalho e Emprego, o Estado do Tocantins admitiu no mês de janeiro deste ano 5.909 trabalhadores com carteira assinada. Ficando com um saldo positivo de 691 trabalhadores, entre ligados e desligados dos postos de trabalho.

Um crescimento de cerca de 1.800% se comparado com o mesmo período do mês de janeiro de 2011, que colocou 5.528 trabalhadores, mas ficou com um saldo negativo de -41.

O crescimento de colocações formais se deu principalmente nos setores de serviço, com o comércio varejista empregando 1.374 trabalhadores, seguido do setor de agricultura, silvicultura, criação de animais e extrativismo vegetal, que empregou 1.054 trabalhadores.

O Sine Tocantins teve participação de 24% nas admissões com a captação de vagas, intermediação da mão de obra e os serviços gratuitos nas dez agências localizadas em Araguatins, Araguaina, Dianópolis, Guaraí, Gurupi, Paraíso do Tocantins, Porto Nacional e Palmas. Segundo o secretário estadual do Trabalho e da Assistência Social, Agimiro Costa, o Governo tem procurado inserir cada vez mais o trabalhador tocantinense no mercado de trabalho, além de prepará-lo melhor por meio dos cursos de capacitação e qualificação profissional.

Com o saldo positivo o Tocantins está como segundo colocado na Região Norte do país no mês de janeiro, como o estado que mais empregou. “A expectativa é de que mais trabalhadores sejam inseridos no mercado principalmente neste primeiro semestre de 2012, que teremos a implantação de novos empreendimentos no Estado. Trabalhamos em parceria com os empregadores, mas nossa preocupação maior é com o trabalhador, que precisa ser capacitado para ocupar as oportunidades que tem surgido no Estado”, explica Agimiro Costa.