Conexão Tocantins Araguaína

Economia

13/12/2011 - Redação

Foto: skyscrapercity.com

O comércio de Araguaina pode ter uma boa temporada de compras. É que aponta o Instituto de Pesquisa da Fecomércio do Tocantins, que realizou uma sondagem com propósito de levantar as expectativas de consumo das famílias do município.

A mostra traz dados que dão um panorama sobre a intenção dos consumidores para o fim de ano. Foram entrevistadas 375 pessoas nas principais avenidas do comércio local e desses, 52,3% se sentem mais seguros no emprego, 58,9% avaliam que, em comparação com o mesmo período de 2010, a renda está melhor. Aproximadamente 24% dos araguainenses pretendem gastar de R$ 300,00 a R$ 500, e 27,5% acima de R$ 500, sendo que 72,3% irão comprar em dinheiro.

No que diz respeito à previsão de melhoria profissional para os próximos seis meses 69,3% se disseram otimistas. Para 57,3 %, hoje, comparando com 2010, está mais fácil conseguir empréstimo/crédito para comprar a prazo, o que sugere um aumento no consumo. 50,4% dos entrevistados também destacaram que suas famílias estão consumindo mais que no ano anterior.

“O resultado dessa pesquisa mostra um nível favorável de consumo no mês que antecede o Natal, que é uma das melhores datas para as vendas no comércio. Ainda que seja num ritmo menos intenso, as famílias se mostraram mais confiantes tanto em relação ao emprego quanto a renda, impactando positivamente no resultado”, comenta a superintendente da Fecomércio, Silmara Lustosa Ribeiro.

Para o presidente da Fecomércio Tocantins, Hugo de Carvalho, os empresários devem investir em estratégias de vendas para atrair esse consumidor, com mais promoções, facilidades de pagamento e produtos diferenciados. “O momento é de correr riscos calculados, uma vez que os juros estão mais atrativos. Fazendo um trabalho, o empresário só tem a ganhar”, finaliza o presidente.

Instituto Fecomércio de Pesquisa e Desenvolvimento do Tocantins

O Instituto Fecomércio de Pesquisa e Desenvolvimento do Tocantins é uma entidade de Direito Privado, sem fins lucrativos, vinculada à Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado do Tocantins. Criado em 28 de novembro de 1997, visa disponibilizar um banco de dados contendo informações sobre o comércio no Tocantins, que servirão de base para elaboração de planos e projetos, além de realizar pesquisa direta junto às empresas do comércio e aos consumidores para avaliar periodicamente o desempenho do setor. A sua diretoria atual é composta pelo presidente Hugo de Carvalho, vice-presidente Anselmo da Silva Moraes, diretor tesoureiro César Hanna Halum, diretora secretária, Maria Lucia Dorta e diretor de mercado, Domingos Tavares.