Conexão Tocantins Araguaína

Polí­tica

07/12/2011 - Redação

A presidente da Liga Feminina de Combate ao Câncer, Elaize Fonseca, falou sobre o trabalho da entidade na sessão desta quarta-feira, 7, da Câmara Municipal de Palmas, destacando que são 156 mulheres, trabalhando, voluntariamente, em prol do portador de câncer, para dar a ele um mínimo de dignidade.

Elaize disse, ainda, que busca apoio em todos os sentidos, para garantir a realização do trabalho e, no momento, uma das preocupações é com o transporte dos pacientes, principalmente para que possam fazer o tratamento de radioterapia, só disponível em Araguaina, e de quimioterapia, em Palmas. Pediu o apoio dos vereadores para que o serviço de transporte possa ter continuidade.

“Essa Casa sempre se colocará à disposição da entidade”, disse o vereador José do Lago Folha Filho (PTN), no exercício da presidência da Mesa Diretora. Pediu que apresentem, por escrito, todas as reivindicações para que a Câmara possa ajudar. (Dicom CMP)