Conexão Tocantins Araguaína

Polí­cia

12/11/2011 - Redação

Foto: Divulgação

O cabo da Polícia Militar, Isaias Francisco de Sousa, de 39 anos foi assassinado na noite desta última sexta-feira, 11, na cidade de Araguaina. De acordo com a PM, Isaias levou diversos tiros nas costas e morreu na hora.

De acordo com testemunhas, por volta das 20h, o militar estava nas proximidades de sua residência conversando com amigos e familiares, quando se aproximaram dois homens em uma motocicleta, e um deles começou a disparar contra a vítima. As pessoas saíram correndo e após receber diversos disparos pelas costas o militar caiu e morreu no local. Em seguida os autores fugiram e ainda não se sabe o motivo que levou ao crime.

Todo o efetivo de policiais militares do 2º BPM, com reforço de outras instituições e componentes da capital estão em diligências na cidade de Araguaina e região para prender os criminosos. A PM ainda pede a quem souber o paradeiro dos mesmos, informar de forma anônima por meio da central 190 ou através dos telefones 3414-3039 e 3414-2447.

O corpo do cabo Isaías está sendo velado na Igreja de Cristo, localizada na Rua Mandaraí, no Setor Noroeste, em Araguaína.

O Cabo Isaias, conhecido por ser um policial militar combatente, é natural de Araguaina, tinha 39 anos de idade e ingressou na Polícia Militar do Estado do Tocantins em 11 de julho de 1994, sempre servindo no 2º BPM. O militar deixa esposa e dois filhos.

Segundo nota da PM, o comandante do 2º BPM, tenente coronel Luis Carlos Barbosa Ferreira e todos os policiais militares da unidade sentem-se consternados com a morte do cabo Isaias e prestam os pêsames à família, informou a assessoria de comunicação do 2º BPM.