Conexão Tocantins Araguaína

Polí­tica

19/09/2011 - Maria José Cotrim

Nos municípios as articulações nos partidos para lançamento de nomes tendo em vista o processo eleitoral do ano que vem já estão em andamento e começam a despontar.

A estratégia do governo, como afirmou o secretário de Planejamento e Modernização da Gestão Pública, Eduardo Siqueira Campos, é evitar vários candidatos do grupo do governo nas disputas locais. Por outro lado partidos de oposição tentam se fortalecer para eleger maioria dos prefeitos em 2012.

Em Guaraí o atual prefeito Padre Milton (PT) já é reeleito e o nome já ventilado nas ruas e inclusive pelo PMDB estadual é o de Manoel Bueno, que já foi prefeito do município e é ex-secretário de governo na gestão do ex-governador Marcelo Miranda. Bueno, como confirmou a direção do Partido, é uma das apostas do PMDB para 2012. Do grupo do governador Siqueira Campos (PSDB) ainda há uma sondagem entre os aliados.

No sábado, 24, haverá evento do PMDB onde deve ser oficializada a pré-candidatura de Bueno.

Boi e PMDB

Em Miracema do Tocantins o governo tem o nome do ex-vice-governador Raimundo Boi que já está filiado ao PSDB com intenção de disputar a prefeitura no próximo ano. O atual gestor do município, Júnior Evangelista também é do partido do governador.

Com a vitória de Júnior Noleto para o comando do PMDB no município o grupo do partido e legendas aliadas já começam a articular um nome para enfrentar o candidato do município.

2012 em Araguaina

Já em Araguaina o grupo do governo está entre o secretário de Assistência Social, tucano Agimiro Dias e o das Cidades e desenvolvimento Urbano, Ronaldo Dimas que é do PR.Dimas e Agimiro buscam a preferência para uma candidatura.

Agimiro, que é sceretário geral do PSDB, já afirmou ao Conexão Tocantins que seu nome tem sido cogitado pelos aliados e que estará disposto a entrar na disputa se essa for a vontade do grupo. Dimas, aliado muito próximo do senador João Ribeiro, também já se movimenta.

O atual prefeito Valuar Barros (DEM) tem comentado também com aliados que pretende tentar reeleição caso tenha aval do grupo.