Conexão Tocantins Araguaína

Polí­cia

12/04/2011 - Redação

Foto: Divulgação

O 2º BPM, preocupado com a violência no ambiente escolar implantou em Araguaina uma nova modalidade de policiamento, trata-se de um projeto voltado exclusivamente à comunidade escolar, denominado “Patrulha Escolar”.

As causas que promovem a violência nas escolas são diversas, cujas conseqüências negativas trazem consigo a queda no rendimento escolar e o envolvimento dos alunos com drogas, gangues, depredação do patrimônio público e escolar, bullying e brigas dentre outros fatos anti-sociais.

Por isso, é importante o trabalho do patrulheiro escolar, como é conhecido o Policial Militar que trabalha nessa área, uma vez que, o projeto tem a finalidade de orientar os alunos, conscientizando-os sobre os efeitos, causas e consequências dos atos que levam os jovens a criminalidade e a violência.

O trabalho é desenvolvido pelo patrulheiro escolar, mediante a realização de palestras para alunos sobre temas afins: indisciplina escolar, bullying, violência, prevenção da violência, etc; Palestras para pais de alunos sobre a importância da família na educação das crianças; Rondas nas imediações das escolas a fim de coibir a presença de pessoas em atitudes suspeitas; Mediação de conflitos, identificando e desconstruindo impasses entre alunos/alunos, alunos/professores, facilitando o diálogo entre as partes para que cheguem a uma solução.

Os diretores professores, assim como os alunos das escolas atendidas, aprovaram a iniciativa e afirmam que os efeitos são bastante positivos na comunidade escolar, através das atividades desenvolvidas pelos policiais militares que proporcionam mais segurança.

A intenção do Comandante do 2º BPM, Tenente Coronel Carlos, é ampliar o projeto, com vistas a atender todas as escolas de Araguaína e assim intensificar a presença e as atividades de orientação aos servidores e alunos das escolas.

Fonte: Assessoria de Imprensa PM