Conexão Tocantins Araguaína

Estado

18/03/2011 - Redação

Foto: Divulgação

Preocupados com possíveis prejuízos com a transferência da operadora do Plano de Saúde, os representantes dos servidores públicos estaduais se reuniram na manhã de hoje, 18, na sede do SISEPE, para articular uma audiência em regime de urgência com o Governo.

O objetivo é buscar esclarecimentos em relação à mudança da operadora do Plano de Saúde e, principalmente, garantir a participação dos representantes dos servidores na elaboração das novas regras do contrato.

Um ofício conjunto foi elaborado e encaminhado ao Secretário da Administração, Lúcio Mascarenhas ressaltando que uma das promessas de campanha do Governador Siqueira Campos era o compromisso de “manter e melhorar o plano, sendo que todas as melhorias seriam discutidas amplamente com os representantes da categoria”.

Desta forma, os Sindicatos esperam que o Governador mantenha sua palavra e discuta, com transparência, as propostas do novo Plano de Saúde com os representantes da categoria.

Atualmente, quem gerencia o Plansaúde é a Unimed Centro-Oeste.

Conforme anunciado pelo Governo, a intenção é migrar para a Unimed Palmas, Gurupi ou Araguaina.

Para os Sindicatos a mudança da operacionalidade do Plano, passando para uma gerenciadora local, poderá ser benéfica, visto que se torna mais fácil cobrar diretamente da presidência melhorias e atuações do Plano.

Entretanto, para os Sindicatos é imprescindível que essa mudança não traga nenhum prejuízo aos servidores, tanto no atendimento no Tocantins e demais Estados quanto nos valores cobrados. Por isso a necessidade de conhecer melhor as regras deste novo contrato.

Participaram da reunião, representantes das Entidades: Sindicato dos Servidores Públicos no Estado do Tocantins SISEPE – TO; Sindicato dos Auditores Fiscais do Estado do Tocantins – SINDIFISCAL; Sindicato dos Trabalhadores em Saúde no Estado do Tocantins SINTRAS-TO; Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Estado do Tocantins – SINTET; Sindicato dos Policiais Civis do Estado do Tocantins – SINPOL; Sindicato dos Farmacêuticos do Estado do Tocantins – SINDIFATO; Sindicato dosProfissionais em Enfermagem no Estado do Tocantins – SEET; Sindicato dos Cirurgiões Dentistas do Estado do Tocantins – SICIDETO.

Fonte: Assessoria de Imprensa/ Sisepe