Conexão Tocantins Araguaína

Geral

03/03/2010 - Redação

Foto: Divulgação Kátia Abreu não destinou nenhum recurso para Araguaina Kátia Abreu não destinou nenhum recurso para Araguaina

Principal município do interior do Estado, Araguaína está sofrendo os reflexos da falta de investimentos da gestão anterior do governo estadual e das bancadas federal e estadual do partido do prefeito Valuar Barros (DEM). Segundo informações da Câmara Federal, a bancada federal do Democratas não destinou nenhuma emenda parlamentar para o município em 2009. No Senado, o Democratas tem uma representante, que poderia ter trabalhado para amenizar os impactos da dificuldade administrativa e financeira do município. Entretanto, a senadora Kátia Abreu (DEM) não destinou nenhum recurso para Araguaina através de emendas ao orçamento da União.

O governo anterior não fez os investimentos necessários para compensar a situação de crise do município. E aqueles que foram anunciados nunca foram executados. Um exemplo é a obra de reforma do aeroporto do município, onde estavam previstos investimentos de R$ 1 milhão, oriundos do Fundo de Desenvolvimento do Estado, cujo convênio foi assinado pelo então governador Marcelo Miranda em 21 de agosto de 2009. Pelo documento, as obras deveriam começar em 90 dias. No entanto, nunca saíram do papel.

O setor de infraestrutura é um dos mais penalizados no município, pois não há qualquer empenho ou compromisso dos chamados líderes políticos ligados ao DEM. O cenário são ruas esburacadas, crise na saúde e na educação, obras inacabadas e desemprego. Quem acaba sofrendo os reflexos dessa falta de compromisso é a população, que não sabe a quem recorrer para a solução de seus problemas, seja no setor social, pela falta de investimentos que faz com que os empregos não cheguem à região, ou na total falta de apoio político por parte da gestão anterior. “A gente não vê o progresso aqui. O governo que passou fez muitas promessas, mas nada chegou. As casas que prometeram eu não vi nenhuma, pois continuo morando de aluguel com quatro filhos e mais um neto. Isso aqui tá uma tristeza só e a gente fica perdido, sem saber a quem pedir ajuda”, disse a dona de casa Maria Zenaide, de 59 anos, há 10 morando em Araguaína.

Velhos Problemas

O município de Araguaína sempre foi considerado uma referência econômica para o Estado, principalmente para a região Norte tocantinense, mas a falta de participação, das esferas federal e estadual, fez com que o município fosse prejudicado. A falta de investimentos, principalmente em infraestrutura, inibe a atração de novos investidores, fazendo com que o município fique sem perspectivas de arrecadação e de abertura de novos postos de trabalho.

No ano passado, a União disponibilizou milhões de reais por meio de emendas parlamentares. Por outro lado, a senadora Kátia Abreu tem se preocupado, apenas, em aparecer na mídia nacional deixando claro que o seu compromisso é com os grandes produtores rurais. Dos milhões disponibilizados pela União, por meio do PAC – Programa de Aceleração do Crescimento, por exemplo, não chegou nenhum centavo de emendas da senadora à Araguaína.

Governo Gaguim

Para amenizar a difícil situação de Araguaina, o Governo do Estado está trabalhado em conjunto com os deputados estaduais de outros partidos políticos para levar investimentos concretos ao município. Entre eles estão as emendas parlamentares ao orçamento do Estado. Segundo informações do Governo, cerca de R$ 2 milhões em emendas parlamentares já foram destinados pelos deputados estaduais para ações e investimentos em Araguaína. A mais recente emenda paga ao município foi a do deputado estadual César Halum (PR), que destinou R$ 200 mil para a realização do carnaval, como forma de atrair foliões de outros municípios para aquecer o comércio do município.

Fonte: Agência Araguaia