Conexão Tocantins Araguaína

Geral

03/03/2009 - Umberto Salvador Coelho

Na próxima quinta-feira, 05 de março, o programa de pós-graduação em Ciência Animal Tropical da Universidade Federal do Tocantins (UFT) realizará às 14h no auditório da Escola de Medicina Veterinária e Zootecnia (EMVZ) em Araguaína a aula inaugural do doutorado em Ciência Animal.

A aula é considerada um marco para o Tocantins, pois dará inicio as atividades letivas do doutorado da Escola de Medicina Veterinária e o curso é o primeiro doutorado do Estado e o primeiro aprovado pelo MEC na área de Ciência Animal em toda a região norte do Brasil.

Com a criação do doutorado, a UFT caminha a passos largos para sua consolidação como instituição de ensino, extensão e pesquisa na região norte do Brasil, segundo a professora Viviane Mayumi Maruo, coordenadora do programa de pós-graduação em Ciência Animal da UFT.

Segundo Viviane, o doutorado terá como foco de suas pesquisas a produção animal e contará com as seguintes linhas de pesquisa: Patologia Animal; Relação Solo x Planta x Animal; e, Alternativas Alimentares para Produção Animal no Bioma Amazônico.

O ponto relevante da criação do doutorado, segundo a professora, será a possibilidade de formar doutores no próprio estado do Tocantins, desenvolvendo suas pesquisas na região de origem. “É muito comum o deslocamento de técnicos para treinamento em nível de doutorado em regiões muito diferentes da Amazônia o que acaba por não gerar e ampliar o conhecimento local”, afirma Viviane.

Gerador de conhecimentos

Com o doutorado em Ciência Animal o Tocantins deixará de ser um importador para ser um gerador de conhecimento e tecnologias. Na aula inaugural estarão presentes representantes do CNPq (Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico) e de órgãos estaduais como Fieto, Faet, Fundeagro, prefeitura municipal de Araguaína e Sebrae.

Na ocasião além de palestras dos representantes do CNPq, haverá pronunciamento do secretário de Ciência e Tecnologia do Tocantins, Osmar Nina Garcia e do reitor da Universidade Federal do Tocantins.

 

Umberto Salvador Coelho